Blog de Notícias de JUSSIAPE








Jussiape: Menino de 14 anos morre soterrado em propriedade rural

Autor:Livramento Agora (Foto:Livramento Agora)Um menino de 14 anos morreu após ser soterrado na tarde desta quinta feira (12) na fazendo Cocal zona rural de Jussiape na Chapada Diamantina. Segundo inf…

O melhor de todos carnavais, para Neto

A festa carioca tomou 21 horas e 37 minutos de espaço, e São Paulo ocupou 13 horas e dois minutos. A Bahia ficou em terceiro lugar, com sete horas e 30 minutos; enquanto Recife aparece com cinco horas e 53 minutos. Folia também tem hierarquia midiática.

Festa de Nossa Senhora da Saúde em Jussiape

No fim da tarde do último 02 de Fevereiro, Apresentaçã o do Senhor, a Paróquia presente em Jussiape celebrou a Festa de Nossa Senhora da Saúde, sua padroeira! A Santa Missa, presidida pelo Pe. Samuel N…

FESTA FECHADA INTEGRA PROGRAMAÇÃO DOS FESTEJOS JUNINOS DE JUSSIAPE

Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer 4 …

DEPUTADO MARQUINHO VIANA BUSCA APOIO DE SILVANO RAGNO PARA MAIS ENERGIA EM 6 MUNICÍPIOS

Na sua incessante luta para atender às demandas dos municípios que representa, o deputado Marquinho Viana (PV),  esteve, ontem (24/02/15), com o Superintendente de Energia e Comunicaçõe s, Silvano Ragn…

Últimas notícias de JUSSIAPE BA:


DEPUTADO MARQUINHO VIANA BUSCA APOIO DE SILVANO RAGNO PARA MAIS ENERGIA EM 6 MUNICÍPIOS Na sua incessante luta para atender às demandas dos municípios que representa, o deputado Marquinho Viana (PV),  esteve, ontem (24/02/15), com o Superintendente de Energia e Comunicaçõe s, Silvano Ragn…

Jussiape: Forte ventania causa estragos a prédios públicos Em Jussiape uma forte ventania assustou populares e causou estragos na tarde do último domingo (15). Os fortes ventos, seguidos de chuva, derrubaram telhas de algumas casas e prédios públicos, incluin…

JUSSIAPE BA tspan:3m JUSSIAPE BA


JUSSIAPE-BA: CHUVA E VENTOS FORTES ARRANCAM TELHADOS DE ALGUMAS CASAS Uma ventania de aproximadamente 60 km/h causou estragos neste domingo (15) no município de Jussiape, localizado a 58 km de Livramento. Os fortes ventos, seguidos de chuva, derrubaram telhas de algumas…

CHAPADA DIAMANTINA: Passageiros de ônibus de São Paulo são saqueados por bandidos em Abaíra O assalto ao ônibus aconteceu na BA-148, a cerca de 3km de Abaíra | FOTO: Reprodução/ L12 Notícias |A população do município de Abaíra, na Chapada Diamantina, viveu momentos de terror neste sábado (14)…

MENINO DE 14 ANOS MORRE SOTERRADO EM OBRA NO SUDOESTE DA BA Por volta das 16 horas um menino de 14 anos morreu soterrado na localidade de Jussiape, no sudoeste da Bahia. Segundo informações obtidas pelo site Brumado Notícias, a vítima estava em uma obra que aconte…

Menino de 14 anos morre soterrado em obra no sudoeste da BA Por volta das 16 horas um menino de 14 anos morreu soterrado na localidade de Jussiape, no sudoeste da Bahia. Segundo informações obtidas pelo site Brumado Notícias, a vítima estava em uma obra que aconte…

Jussiape-BA: Menino de 14 anos morre soterrado em obra. Por volta das 16h da última quinta-feira (12), um menino de 14 anos morreu soterrado na localidade de Jussiape, no sudoeste da Bahia, próximo ao município de Rio de Contas. Segundo informações publicadas …





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Como está a situação dos motoristas bêbados em JUSSIAPE?

A Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) mostra que aproximadamente um quarto dos brasileiros que dirige insiste em desobedecer à lei e colocar a vida em risco.

Segundo o levantamento, 24,3% dos motoristas afirmam que assumem a direção do veículo após ter consumido bebida alcoólica. No Brasil, a violência no trânsito é uma das principais causas de mortes. Em 2014, foram registradas 172.780 mil internações relacionadas a acidentes de trânsito.

O comerciante Francisco de Assis Pinheiro, 38 anos, natural do Rio de Janeiro, faz parte dessa estatística. Ele sofreu um grave acidente quando voltava de uma festa após ter bebido álcool. “Não andei nem 300 metros e em uma curva bati em outro carro. Eu estava sem cinto, fraturei o osso da região da bacia e estou sem andar. Aprendi a lição. Não se deve beber e dirigir”, lembra o comerciante.

E quanto maior o consumo, maior os riscos. O brasileiro, segundo a pesquisa, costuma exagerar. Do total de entrevistados, 13,7% bebeu álcool de forma abusiva nos últimos 30 dias, o que representa a ingestão de quatro ou mais doses para mulheres ou cinco ou mais doses para homens em uma única ocasião.

Entre os homens o índice chega a 21,6%, enquanto essa proporção no público feminino foi de 6,6%. A PNS foi realizada pelo Ministério da Saúde em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e estatística (IBGE), no período de julho de 2013 a fevereiro de 2014.

Entre 2010 e 2013, ocorreram mais de 313 mil internações no Sistema Único de Saúde (SUS) decorrentes do alcoolismo. São gastos, em média, cerca de R$ 60 milhões por ano com pessoas dependentes do álcool.

Efeitos

O álcool é uma droga psicotrópica que atua no sistema nervoso central, podendo causar dependência e mudança no comportamento. O álcool consumido de forma abusiva pode causar malefícios à saúde, como por exemplo, doenças cardiovasculares, câncer, além dos graves acidentes de trânsito.

Adolescentes conseguem comprar álcool

A incidência de consumo de bebidas alcoólicas entre os jovens é outra preocupação do Ministério da Saúde. Com o período do Carnaval, os jovens em busca de diversão podem ignorar os malefícios do álcool e beber intensivamente durante os dias de folia.

A partir da iniciação, o adolescente se torna mais vulnerável à repetição deste hábito.“Crianças e adolescentes não devem em hipótese alguma fazer o uso de álcool. O consumo afeta a maturidade cerebral, o aprendizado, a memória e pode prejudicar seriamente o desenvolvimento dos jovens”, ressalta Deborah Malta.

Os dados alertam para a forma como esses jovens têm acesso ao uso das bebidas. Apesar da venda proibida em todo o país para quem tem menos de 18 anos, a pesquisa mostra que um em cada cinco (21,9%) adolescentes consegue comprar álcool por conta própria.

Segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente, a prática é crime e o comerciante que for pego vendendo a bebida pode ser punido. No entanto, o estudo revela que parte dos adolescentes (10 a 12%) consegue a bebida no ambiente doméstico e na companhia de parentes. [23]




Quanto é mesmo que a Dilma vai aumentar a conta de luz em JUSSIAPE?

A conta de luz deve subir em média quase 40% este ano, mas dependendo da distribuidora esse aumento pode ser bem maior. O reajuste também muda dependendo da região.

A conta não é simples. No aumento aprovado na terça-feira (3), o contribuinte vai tirar do bolso o dinheiro para bancar um fundo que financia programas como o ‘Luz para Todos’ e ações para o setor elétrico. São R$ 23 bilhões para esse fundo.

Além disso, virá um aumento extra para cobrir os custos com as termelétricas. 

A notícia de um reajuste pesado na conta de luz preocupou Rodrigo Galvão dos Santos. Dono de uma microempresa, ele gasta muita energia para produzir os bolinhos de chocolate.

Pretende ampliar os negócios, mas: “Para nós que pretendemos investir dinheiro na abertura de uma loja, para o crescimento da produção, isso é uma notícia bem ruim. A gente não tem um capital tão grande”, afirma o empresário.

O governo ainda não divulgou quanto, mas a conta deve ficar bem mais cara por vários motivos. Entre eles, um reajuste na bandeira tarifária - uma cobrança extra na conta de luz, que é adotada quando os custos da energia estão altos, como agora por causa da falta de água e do uso das termelétricas. Estamos na bandeira vermelha, pagando R$ 3 a mais para cada cem quilowatts-hora consumidos.

Além disso, a Agência Nacional de Energia Elétrica anunciou que precisa de R$ 23 bilhões para manter o fundo que garante programas como o ‘Luz para Todos’. Ano passado, o Tesouro Nacional ajudou a financiar essa conta, mas este ano os custos vão ser totalmente repassados para o consumidor. Só isso vai significar reajuste de 3,89% para os consumidores das regiões Norte e Nordeste e de quase 20% para as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

[8]



O melhor de todos carnavais, para Neto


A festa carioca tomou 21 horas e 37 minutos de espaço, e São Paulo ocupou 13 horas e dois minutos. A Bahia ficou em terceiro lugar, com sete horas e 30 minutos; enquanto Recife aparece com cinco horas e 53 minutos. Folia também tem hierarquia midiática.



FESTA FECHADA INTEGRA PROGRAMAÇÃO DOS FESTEJOS JUNINOS DE JUSSIAPE


Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer 4 …
DEPUTADO MARQUINHO VIANA BUSCA APOIO DE SILVANO RAGNO PARA MAIS ENERGIA EM 6 MUNICÍPIOS Na sua incessante luta para atender às demandas dos municípios que representa, o deputado Marquinho Viana (PV),  esteve, ontem (24/02/15), com o Superintendente de Energia e Comunicaçõe s, Silvano Ragn…
Jussiape: Forte ventania causa estragos a prédios públicos Em Jussiape uma forte ventania assustou populares e causou estragos na tarde do último domingo (15). Os fortes ventos, seguidos de chuva, derrubaram telhas de algumas casas e prédios públicos, incluin…
JUSSIAPE-BA: CHUVA E VENTOS FORTES ARRANCAM TELHADOS DE ALGUMAS CASAS Uma ventania de aproximadamente 60 km/h causou estragos neste domingo (15) no município de Jussiape, localizado a 58 km de Livramento. Os fortes ventos, seguidos de chuva, derrubaram telhas de algumas…
CHAPADA DIAMANTINA: Passageiros de ônibus de São Paulo são saqueados por bandidos em Abaíra O assalto ao ônibus aconteceu na BA-148, a cerca de 3km de Abaíra | FOTO: Reprodução/ L12 Notícias |A população do município de Abaíra, na Chapada Diamantina, viveu momentos de terror neste sábado (14)…

Atenção JUSSIAPE: notícia importante sobre juros do Minha Casa Minha Vida

A Caixa Econômica Federal não vai alterar os juros dos financiamentos do programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) nem dos empréstimos feitos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), informou o diretor de Habitação do banco, Teotonio Costa Rezende.

“Na habitação social, que é o foco do governo, não mudou nada”, garantiu o diretor de Habitação.

Na prática, os mutuários com renda familiar de até R$ 5.400 não sofrerão impactos nos seus financiamentos, pois os juros serão mantidos na faixa dos 4,5% ao ano a 7,16% anuais.

O diretor lembrou que, mesmo com o MCMV 3 ainda aguardando sinal verde para início, novas 350 mil unidades habitacionais no primeiro semestre de 2015 manterão o ritmo do programa. Elas fazem parte das 3 milhões de unidades previstas. “Não haverá descontinuidade enquanto não inicia a Fase 3 do Programa Minha Casa Minha Vida”, completou Teotonio Rezende.

Pequenas e médias construtoras

Na avaliação do diretor de Habitação, o Minha Casa Minha Vida deverá ser impulsionado ainda mais a partir deste ano, com a entrada de pequenas e médias incorporadoras na produção das unidades, para o governo cumprir com a fase 3 do programa.

“A médio prazo, o aumento da oferta de imóveis irá reduzir a velocidade de correção dos preços das unidades habitacionais. Haverá também maior oferta de moradias nas cidades de menor porte, onde as grandes construtoras não têm interesse de produzir”, explica Rezende.

A pesquisa “Quesitos Especiais da Sondagem da Construção”, realizada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) em dezembro de 2014, identificou confiança dos empresários na continuidade do Minha Casa Minha Vida.

Conforme a pesquisa, dos 698 empresários da construção entrevistados, 29% estavam envolvido nos projetos do programa habitacional de baixa renda.

Destes grupos empresariais, 51% apostaram em melhoria no volume de obras habitacionais ao longo deste ano e 46,5% previram estabilidade nos negócios. Em relação à mão de obra empregada, 81,4% dos empresários previram estabilidade e 18,6% no aumento na contratação dos trabalhadores.

Fonte:
Agência Caixa de Notícias

[4]

 Como conseguir um empréstimo do BNDES em JUSSIAPE.

Apoio Financeiro - Apresentação

Atenção: O BNDES não credencia nem indica quaisquer consultores, pessoas físicas ou jurídicas, como intermediários para facilitar, agilizar ou aprovar operações com o próprio Banco ou com as instituições financeiras credenciadas a repassar seus recursos.

O BNDES investe em empreendimentos de organizações e pessoas físicas segundo critérios que priorizam o desenvolvimento com inclusão social, criação de emprego e renda e geração de pisas.

O apoio financeiro pode se dar por meio das seguintes modalidades: financiamentos, recursos não reembolsáveis e subscrição de valores mobiliários.

Em alguns casos específicos, o apoio financeiro pode se dar de forma conjugada, por meio de financiamento a uma parte de projeto e via subscrição de valores mobiliários em outra. A decisão de utilizar as duas modalidades fica a critério do BNDES.

Financiamentos

As modalidades de financiamento do BNDES se pidem em Produtos, de acordo com a finalidade do empreendimento.

Os Produtos definem as regras gerais de condições financeiras e procedimentos operacionais do financiamento. A cada Produto se aplicam Linhas de Financiamento, que se destinam a beneficiários, setores e empreendimentos específicos e, por isso, podem trazer regras particulares, mais adequadas aos objetivos da linha.

Outros mecanismos de financiamento disponíveis são os Programas, de caráter transitório, voltados para um determinado segmento econômico; e os Fundos, também destinados a setores específicos de atividade.

Quem pode solicitar o financiamento

  • Empresas;
  • pessoas físicas residentes no país;
  • entes da Administração Pública, seja direta ou indireta; e
  • associações e fundações.

Veja os requisitos mínimos para cada tipo de cliente.

Veja também como o BNDES classifica as empresas segundo o porte.

Formas de apoio

As solicitações podem ser feitas de forma direta, indireta ou mista, dependendo da modalidade de apoio utilizada:

  • Operação direta - realizada diretamente com o BNDES ou através de mandatário.
  • Operação indireta - realizada por meio de instituição financeira credenciada, ou através do uso do Cartão BNDES.
  • Operação mista - combina a forma direta com a forma indireta não automática.

Veja mais informações sobre as formas de apoio do BNDES.

Itens financiáveis

O BNDES apoia projetos de investimento, no Brasil e no exterior, que visem à ampliação, modernização e expansão da capacidade produtiva. Cada mecanismo de financiamento determina quais são os seus empreendimentos passíveis de apoio pelo BNDES.

Porém, alguns itens não são apoiáveis pelo BNDES. Confira a lista dos projetos que o Banco não financia.

Como funciona

Os pedidos de financiamento do BNDES passam por cinco grandes fases: consulta prévia, perspectiva, enquadramento, análise e contratação.

Veja o Fluxo e Prazos para Tramitação de Operações Diretas, Indiretas não Automáticas e Mistas.

Condições financeiras

Cada mecanismo de financiamento possui condições financeiras próprias.

Recursos não reembolsáveis

Alguns projetos podem receber aplicações financeiras, sem a exigência de reembolso. Tratam-se de investimentos de caráter social, cultural (ensino e pesquisa), ambiental, científico ou tecnológico.

Subscrição de valores mobiliários

Em sociedades anônimas, de capital aberto ou fechado, em emissão pública ou privada e em fundos de investimento fechados. O BNDES também oferece programas destinados à composição de fundos de destinação específica.

Veja também

 

[29]

*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de JUSSIAPE BA. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, JUSSIAPE BA, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora há Pouco, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.